Em

Potiguar é medalha de bronze nos Jogos Sul-Americanos Escolares


O atleta potiguar Wesley Mesquita foi medalha de bronze na prova do hexatlo dos Jogos Sul-Americanos Escolares, realizados de 3 a 7 de dezembro, em Assunção, no Paraguai. Natural de Cerro Corá, Wesley ficou atrás apenas do chileno Sebastian Saleh (prata) e do uruguaio Edgar Rosabal (ouro). A competição é a mais importante competição escolar das Américas e reuniu na capital do Paraguai 10 países, com um total de 1.500 atletas, com idades entre 12 a 14 anos.

Wesley Mesquita é a mais nova promessa do atletismo potiguar (Foto/Divulgação)
Wesley Mesquita é a mais nova promessa do atletismo potiguar (Foto/Divulgação)

O técnico do atleta em Cerro Corá, professor Edilson Oliveira, comemorou mais uma conquista da jovem promessa do atletismo potiguar. “Nosso atleta Wesley Mesquita depois da conquista da medalha de bronze nos Jogos Escolares da Juventude voltou a conquistar outra medalha importante na sua carreira, desta vez no Sul-americano Escolar do Paraguai. Wesley hoje é uma das novas esperança do atletismo potiguar e apesar das dificuldades para chegar aos treinos, por morar a 6 km da cidade de Cerro Corá, muitas vezes vai e volta a pé, mesmo assim esse garoto supera as dificuldades com foco e muita garra, ele está de parabéns”, revelou.
O potiguar fez parte da delegação brasileira que levou 222 pessoas, dos quais 168 atletas e 54 técnicos, oficiais, dirigentes e gestores. O Brasil participou das 11 modalidades juntamente com Argentina, Bolívia, Bonaire, Chile, Equador, Paraguai, Peru, Suriname e Uruguai. Os Jogos Sul-Americanos Escolares são organizados pela CONSUDE, uma entidade sul-americana que reúne os Ministérios de Esporte e Cultura do continente. No Brasil, a CBDE, Confederação Brasileira de Desporto Escolar foi a responsável pela organização da equipe brasileira.