Em

Campeonato Potiguar Sub-17 entra na reta final


Após dois meses de competição e quarenta partidas disputadas, o Campeonato Potiguar Sub-17, enfim, chegou à fase semifinal. As quatro equipes classificadas medirão forças na tarde deste domingo (20), em rodada dupla especial no Estádio Juvenal Lamartine, casa da competição até aqui.

Palmeira x Santa Cruz
Domingo (20), 13h30

Na primeira partida decisiva da tarde, Palmeira e Santa Cruz medem forças em duelo de equipes que começaram a competição de maneira bem distinta. Se o Palmeira abriu o campeonato com boa vitória por 3 a 0 contra o Riachuelo, o Santa Cruz não teve a mesma sorte. Além de ser goleado por 5 a 0 contra o ABC no primeiro compromisso na competição, o tricolor natalense acabou perdendo dois atletas para o duelo contra o Globo, válido pela segunda rodada: Paulinho (lesionado) e Jadson (expulso). Motivos para desanimar? Não para Eugênio Gomes, treinador do Santa Cruz, que usou o resultado adverso da estreia para combater erros, principalmente no sistema defensivo.

– Ser goleado na estreia foi algo inesperado, mas não podíamos baixar a cabeça, apesar do resultado adverso. A palavra após a estreia foi trabalho. Pontuamos o que estava errado após cada duelo, levamos as correções para os treinamentos e o resultado foi maior consistência no sistema defensivo que nos trouxe até aqui – comentou o treinador.

E o resultado apareceu no campo. Após a goleada sofrida na estreia, o Santa Cruz só sofreu gol na segunda rodada (empate contra o Globo por 1 a 1). Após isso, cinco vitórias e um empate sem gols contra o mesmo ABC credenciaram o tricolor natalense à classificação com uma rodada de antecedência.

O Palmeira manteve o nível da estreia e fechou a primeira fase como a única equipe com 100% de aproveitamento na competição. O clube comandado por João Mário celebra a campanha do clube até aqui e diz que ela é apenas o reflexo do intuito de formar bons jogadores para que atuem no time profissional.

– O trabalho desta comissão técnica à frente do Palmeira vem há cinco anos buscando revelar jogadores para o time profissional do clube. A campanha que conseguimos até aqui no sub-17 é apenas consequência desse trabalho e comprometimento. Nosso intuito sempre será formar jogadores e os resultados apareceram naturalmente. Veja o último elenco profissional montado, por exemplo, contou com oito jogadores que vieram da base, o que nos mostra que o trabalho está sendo feito de forma correta – analisou o treinador.

ABC x Riachuelo
Domingo (20), 15h20

A sequência da rodada dupla coloca frente a frente o atual campeão da categoria, o ABC, contra o Riachuelo, que conseguiu campanha muito diferente da ocasião do título alvinegro (tinha ficado apenas na sexta colocação na edição pesada, saindo apenas na primeira fase). O treinador do alvinegro, Tostão, acredita que defender o título de campeão não é algo que traz pressão para seus jogadores e aposta na sequência do trabalho para buscar vaga na final.

– A gente vem há alguns anos com uma maneira de trabalhar nas categorias de base e apenas seguimos fiéis a essa filosofia. Buscamos um perfil de jogador e buscamos formar atletas. O título ano passado foi consequência do trabalho, acreditamos que o nosso esforço será recompensado, sem que os atletas sintam-se pressionados pelos resultados de anos anteriores – comentou Tostão, que é ex-jogador profissional.

A campanha positiva do alvinegro deve-se muito ao bom aproveitamento do sistema defensivo. Por pouco a equipe não fechou a primeira fase sem levar gols, sendo vazada apenas nos últimos minutos de sua despedida da fase classificatória contra o Globo, no empate por 1 a 1. O ataque também chamou atenção com 26 gols marcados (melhor ataque até aqui) e a artilharia de Montanha, com 9 gols.