Em

Atletismo da Sadef encerra a temporada com conquistas no Brasileiro


Atletas subiram quatro vezes ao pódio em São Paulo (Foto/Divulgação)
Atletas subiram quatro vezes ao pódio em São Paulo (Foto/Divulgação)

2018 fechado com chave de ouro, prata e bronze! Foi subindo no pódio que a equipe de Atletismo da Sadef – Sociedade Amigos do Deficiente Físico, encerrou esta temporada de competições. Quatro atletas disputaram a primeira edição do Campeonato Brasileiro da modalidade, e três voltaram com medalhas.

O destaque foi Ray Ferreira, que ficou com o ouro no lançamento de disco e a prata no arremesso de peso. “Na prova do disco, eu já estava bem cansada. Passamos a madrugada viajando, dormimos pouco, e o comitê antecipou a prova para poucas horas depois da nossa chegada a SP. Mas acredito que as dificuldades servem para nos impulsionar. Queria ter feito uma marca melhor, mas fiquei muito satisfeita com o resultado”, diz Ray, que é recordista brasileira e segunda no ranking mundial na prova.

Mônica Suely foi a segunda colocada no lançamento de disco. E Luiz Antonio Soare ficou com o bronze na mesma prova. “Nós temos uma equipe boa, com atletas de vários níveis diferentes. Alguns tinham marca inclusive pra chegar ao pódio mas não puderam ir, por não terem conseguido o índice a tempo. Chegar forte no Brasileiro sempre é uma meta, e também um desafio. Foi um ano cheio de altos e baixos, mas no final tivemos boas vitórias”, diz Felix Guedes, técnico do atletismo da Sadef.

O Brasileiro, realizado no último fim de semana, no CT Paralímpico, em São Paulo, contou com a participação de 522 atletas de 23 Estados mais o Distrito Federal. Uma das novidades foi que apenas os oito melhores atletas do país em cada classe puderam se inscrever. “Essa mudança no critério de participação aumentou o nível da disputa e valorizou ainda mais as conquistas dos atletas potiguares”, diz Felix Guedes.

Organizada pelo Comitê Paralímpico Brasileiro, o campeonato é hoje o mais importante evento paralímpico nacional de atletismo, e os resultados serão usados como base para a preparação de competições internacionais no próximo ano.

“2019 vai ser um ano de extrema importância para o atletismo. Em agosto, teremos os Jogos Parapan-Americanos, no Peru. E em novembro, o Mundial, em Dubai. A esperança e confiança são grandes, de termos potiguares representando o Brasil nessas disputas. Já estamos focados nelas. Prometemos muito trabalho para chegar lá”, garante o técnico.

RESULTADOS ATLETAS SADEF
Ray da Silva Ferreira (classe F44)
1º lançamento de disco
2º arremesso de peso

Mônica Suely Ferreira da Silva (classe F55)
2º lançamento de disco
4º arremesso de peso

Luiz Antonio Barros Soares (classe F46)
3º lançamento de disco
6º arremesso de peso

Lucas Emanuel Matias dos Santos (junção de classes F42, 43 e 44)
5º lançamento de disco
6º lançamento do dardo