Em

Dr. Vital acompanha seleção brasileira no mundial de esgrima no Japão


O coordenador médico do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), o potiguar Roberto Vital, viajou para o Japão com a Seleção Brasileira de esgrima em cadeiras de rodas que disputará a etapa da Copa do Mundo da modalidade em Kyoto. Os brasileiros treinarão até o dia 11 no Centro Nacional de Treinamento, em parceria com a federação japonesa de esgrima em cadeira de rodas. As disputas começam na quarta-feira, 12.

Dr. Roberto Vital com a delegação brasileira que vai disputar o mundial no Japão (Foto/Divulgação)
Dr. Roberto Vital com a delegação brasileira que vai disputar o mundial no Japão (Foto/Divulgação)

O Brasil será representado por sete atletas: Jovane Guissone (categoria B), Vanderson Chaves (categoria B), Alex Sandro de Souza (categoria A), Moacir Ribeiro (categoria A), Fabiana da Silva (categoria A), Carminha Celestino (categoria A), Suelen Rodolpho (categoria B).

Destaque para Jovane Guissone que conquistou sete medalhas (duas de prata e cinco de bronze) este ano em Copas do Mundo. Atualmente, ele é o segundo colocado no ranking mundial na espada na categoria B e sexto lugar no florete, na mesma categoria.

Este ano, a Seleção já participou de outras cinco edições da Copa do Mundo – Itália, Hungria, Polônia, Canadá e Geórgia.

A etapa de Kyoto da Copa do Mundo de esgrima em cadeira de rodas é a segunda competição que somará pontos para o ranking paralímpico da modalidade. Esta lista definirá quais atletas terão vagas nos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020. Os atletas poderão pontuar até dia 31 de maio de 2020.