Em

Jogos Paradesportivos e Paralímpicos do RN terão provas de atletismo


 

A quinta edição dos Jogos Paradesportivos Escolares do Rio Grande do Norte e os IV Jogos Abertos Paralímpicos estão movimentando atletas da capital e interior. Depois da abertura, no dia 12 deste mês, mais de 200 inscritos já participaram das provas de bocha, halterofilismo, judô, goalball e natação. As competições prosseguem neste final de semana com as disputas do atletismo, na pista olímpica da UFRN, em Natal.

Provas serão realizadas na pista de atletismo da UFRN
Provas serão realizadas na pista de atletismo da UFRN

 

Vários atletas de escolas públicas e privadas, além de representantes da Associação Paradesportiva do Rio Grande do Norte (APARN), Associação dos Deficientes Visuais do Rio Grande do Norte (ADEVIRN), Centro de Apoio ao Deficiente Físico (CADEF-RN), Fundação Miriam da Câmara Leite (FMCL), Instituto de Educação e Reabilitação de Cegos (IERC-RN), se revezarão nas provas de arremesso peso, dardo e pelota, salto em distância e corridas de 100m, 200m e 400m nas categorias, masculino e feminino.

Os Jogos Paradesportivos Escolares do Rio Grande do Norte e os IV Jogos Abertos Paralímpicos são promovidos pelo Governo do Estado através da Secretaria do Estado do Esporte e do Lazer. De acordo com o coordenador do Paradesporto da SEEL, Tibério Maribondo, os jogos são uma grande oportunidade para os atletas que buscam qualidade de vida e sonham em seguir carreira no paradesporto, tendo em vista que o Rio Grande do Norte possui grande tradição na revelação de novos talentos.

“Considero os Jogos Paradesportivos Escolares e Paralímpicos como uma grande oportunidade para quem busca qualidade de vida e elevação da auto-estima e desenvolvimento integral da pessoa com deficiência, mas também é o melhor caminho para a inclusão nas competições oficiais, possibilitando a descoberta de novos talentos. Só para se ter uma ideia, Thalita Simplício, do atletismo, e Abner Nascimento, do judô, começaram nos Jogos Paradesportivos  e hoje estão convocados para as Paralimpíadas do Rio”, revelou Tibério. A programação dos jogos ainda inclui as disputas do basquete de cadeira de rodas, que deve acontecer nos próximos dias no ginásio do IFRN.