Em

Nadadores potiguares trazem medalhas de Open Internacional


Atleta da Sadef/RN, Francisco Avelino, fica bem perto de vaga em Parapan-americano_  (Foto/Divulgação)
Atleta da Sadef/RN, Francisco Avelino (C), busca vaga para sexta participação nos Parapan-americanos
(Foto/Divulgação)

Um segundo e meio separou Francisco Avelino do índice para o Parapan-americano Paralímpico de Natação, que acontece no segundo semestre, no Peru. “Gostei da minha performance, melhorei bastante meu tempo em comparação com a última marca, mas infelizmente não consegui o índice por detalhes, coisas do esporte”, diz Avelino, atleta da Sadef – Sociedade Amigos do Deficiente Físico do RN. Ele ficou com o ouro nos 100m peito, e bronze nos 50 m costas, no Open Internacional de Natação, realizado no último fim de semana em São Paulo.

O nadador de 53 anos é um dos mais experientes do paradesporto potiguar em atividade, e ainda tem muito gás para buscar novas conquistas na carreira. “Cheguei de viagem, mas não vou ter descanso. Nesta segunda já estarei na piscina treinando, para ‘pegar’ esse segundo que estou precisando”, diz, confiante. A última chance do potiguar conquistar a vaga será na 1ª etapa do Circuito Brasileiro, próximo mês. Ele busca a sexta participação em Jogos Parapan-Americanos.

Além de Avelino, outros quatro atletas da Sadef participaram do Open Internacional de Atletismo e Natação. Nas piscinas, Nélio Almeida conquistou uma prata e um bronze, e Patricio Rodrigues, um bronze. Igor Matheus (natação), Cleiton Lima e Efraim Elias (atletismo) não conseguiram subir ao pódio. As marcas conquistadas na competição são válidas para o ranking mundial das modalidades. Este ano, o Open teve a presença de 602 atletas de 20 países.